O sétimo guardião: feijão assume liderança da irmandade e água volta a jorrar da fonte

Compartilhe no WhatsApp

O Sétimo Guardião: Feijão assume liderança da irmandade e água volta a jorrar da fonte

O Resumo das Novelas já disse que Gabriel (Bruno Gagliasso) morrerá no último capítulo de O Sétimo Guardião. E, após isso, o seu filho/pupilo Feijão (Cauê Campos) assumirá o posto de guardião-mor.

Antes de morrer, o filho de Valentina (Lilia Cabral) descobrirá que o garoto possui a marca da pata do gato nas costas e os dois se reunirem para uma conversa na gruta. “Você vai me ensinar como eu devo ser daqui para frente, é isso?, perguntará Feijão. Gabriel responde: “Ensinar é um pouco demais. Vou te aconselhar para que não cometa os mesmos erros que eu”.

A conversa franca continua: “Tipo um professor e seu aluno?”, pergunta o jovem. “Não. Tipo um guardião-mor falando com outro. Murilo (Eduardo Moscovis) me alertou sobre isso: esta pode ser a primeira vez que um guardião-mor conhece seu substituto. Já que o livro sumiu, vou te dizer tudo o que li nele sobre a irmandade. Pergunta o que quiser. Se puder eu respondo”, diz Gabriel.

Porém, Gabriel acabará morrendo para proteger Luz (Marina Ruy Barbosa) de um tiro. Após a tragédia, Feijão entrará na fonte nu e ela voltará a jorrar água. Murilo e o padre Ramiro(Aílton Graça) aparecerão neste momento e observarão o rapaz.

Tudo isso acontecerá depois que a governanta Judith (Isabela Garcia) revelar que é a assassina dos guardiões e se matar em seguida, bebendo um chá envenenado que preparou para o padre.

Feijão e Gabriel. Foto – reprodução
Feijão e Gabriel. Foto – reprodução