A dona do pedaço: vivi se despede de chiclete com transa ardente antes de duelo final e josiane dá chilique e humilha maria da paz no tribunal

Compartilhe no WhatsApp

Vivi (Paolla Oliveira) em cena com Chiclete (Sergio Guizé) na novela das nove da Globo, A Dona do Pedaço

Vivi (Paolla Oliveira) em cena com Chiclete (Sergio Guizé) na novela das nove da Globo, A Dona do Pedaço

Vivi (Paolla Oliveira) levará o amante para sua cama mais uma vez em A Dona do Pedaço. Ela aproveitará que Camilo (Lee Taylor) estará no julgamento de Josiane (Agatha Moreira) para matar a saudade de Chiclete (Sergio Guizé) em cenas que prometem tirar o fôlego. Será a última transa do casal antes do duelo final entre o pistoleiro e o investigador.

Chiclete vai intuir que a blogueira corre perigo de ser raptada e deixará seu celular com ela. As sequências finais são mantidas em segredo, mas tudo indica que a influenciadora será sequestrada e localizada graças ao “sexto sentido” do personagem de Sergio Guizé, que matará o rival no final da novela das nove.

Na sequência quente, ele soltará uma pista do que está por vir: “Meu celular tem serviço de localização. Se acontecer alguma coisa, eu vou saber onde cê tá. Tem mais uma coisa. Deixa o celular no mudo. Assim ninguém ouve se eu te chamar. Senão… Vão descobrir que você tem outro celular”, pedirá Chiclete.

“Tá certo. Você se preocupa comigo, mas vai dar tudo certo”, responderá a celebridade virtual. “Só faz o que eu tou dizendo. É minha intuição que tá falando. Promete que vai fazer como eu disse?”, indagará o matador. Vivi concordará.

Desfechos antecipados
As cenas vão ao ar na segunda-feira (11), quando começa a penúltima semana da novela de Walcyr Carrasco. A partir do próximo dia 25, o horário nobre vai contar as histórias de três “mães coragens” em Amor de Mãe, trama escrita por Manuela Dias. Regina Casé, Adriana Esteves e Taís Araújo protagonizarão o folhetim.

A última semana de A Dona do Pedaço é um mistério. Porém, o Notícias da TV já revelou que Félix (Mateus Solano) voltará para casar Agno (Malvino Salvador) e Leandro (Guilherme Leicam) e abençoar o novo beijo gay do horário nobre.

Maria da Paz (Juliana Paes) também teve seu desfecho antecipado. A boleira vai engravidar novamente de Amadeu (Marcos Palmeira). Aliás, a transa irá ao ar na próxima semana, logo após a condenação de Josiane.

Haverá uma passagem de tempo e a mocinha ressurgirá com sua filha caçula e o advogado na porta do presídio para esperar Jô. A assassina terá sido condenada a 30 anos de reclusão, mas sairá bem antes. Ela receberá progressão de sua pena por bom comportamento, que conseguirá após virar evangélica.

DIANTE DO JÚRI

A Dona do Pedaço: Josiane dá chilique e humilha Maria da Paz no tribunal

Josiane (Agatha Moreira) ao lado de Tibério (Vandré Silveira) no julgamento por seus crimes em A Dona do Pedaço

Josiane (Agatha Moreira) não conseguirá esconder sua personalidade perversa diante do júri nas últimas semanas de A Dona do Pedaço. Durante o depoimento de Maria da Paz (Juliana Paes) no tribunal, a vilã terá um surto e começará a gritar para humilhar a mãe. O advogado Tibério (Vandré Silveira) tentará acalmar a cliente para a situação dela não piorar.

O julgamento da malvada da trama de Walcyr Carrasco começará ir ao ar no capítulo deste sábado (9). A mocinha será uma das testemunhas e contará a todos detalhes do golpe que sofreu da própria filha e do ex-marido.

“Ela tomou tudo que é meu. Minha filha. E sabem, apesar disso, eu sou mãe, ela continua sendo minha filha. Eu acompanhei enquanto ela perdia tudo, tudo que eu conquistei durante a vida toda escoou pelo ralo”, lamentará a boleira.

“Vocês sabem o que é pra mim, como mãe, estar aqui? Vendo minha filha ser julgada por crime de morte? Eu queria tanto que tudo isso não existisse. Que fosse um pesadelo, pra eu me beliscar e acordar agora. Antes meu sonho era ouvir minha filha dizer que me admirava. Minha filha ter orgulho de mim”, emendará Maria da Paz.

O drama da mãe vai tirar a megera do sério. “Eu nunca vou ter orgulho de você, boleira”, berrará Josiane. “Não fale assim. Os jurados”, repreenderá Tibério. “Eu sofri a vida toda porque minha mãe não passa de uma boleira. Boleira”, continuará a malvada.

Quando chegar o momento de Josiane depor, ela alegará inocência. “Eu tive um caso com o Régis [Reynaldo Gianecchini], não queria que minha mãe descobrisse. O Jardel [Duio Botta] me chantageou. Eu fui pagar. Ele disse que queria mais dinheiro, sempre ia querer mais. E veio na minha direção, eu… Empurrei o Jardel, mas sem intenção de morte”, justificará a personagem de Agatha Moreira.

“Empurrou para as rodas de um caminhão. E diz que não teve intenção?”, retrucará o promotor. “Eu não vi o caminhão, foi só um impulso, eu queria me livrar dele, daquela situação. Eu era apenas uma garota apaixonada, achava que o Régis me amava”, argumentará a assassina.

Josiane é condenada
Depois de ouvir todas as partes e presenciar o surto da acusada, o juiz dará a sentença. “A ré está condenada à pena máxima. Cumprirá 30 anos, de acordo com a lei, em solo nacional. Peço que seja conduzida ainda hoje a um presídio onde cumprirá a pena em cela comum. Este tribunal está encerrado”, declarará o magistrado.

“É tudo um engano. Eu sou inocente. Inocente”, gritará Josiane, desesperada. Ela cumprirá pena e aparecerá no último capítulo, que irá ao ar no dia 22, saindo da cadeia. Maria da Paz e Amadeu (Marcos Palmeira) estarão à espera da primogênita e apresentarão a ela a nova filha, Sol.