Amor de mãe: vitória deve favor de sua vida a mulher que comprou filho de lurdes

Compartilhe no WhatsApp

Kátia em cena da novela Amor de Mãe (Foto: Reprodução)
Kátia em cena da novela Amor de Mãe (Foto: Reprodução)

Lurdes (Regina Casé) conseguiu o tão sonhado emprego como babá do filho que Vitória (Taís Araújo) adotou, mas mal imagina os negócios obscuros com os quais a chefe é envolvida em Amor de Mãe. Logo no início, está claro que ela tem uma relação com o maior vilão da novela, Álvaro (Irandhir Santos). Nos próximos capítulos da novela da Globo, ficará claro que ela deve o maior favor de sua vida também a Kátia (Vera Holtz), justamente a mulher que comprou seu filho no passado.

Bastante doente, a criminosa mexerá em uma mala repleta de coisas de criança e se emocionará com uma foto que encontrará. “Não posso morrer sem resolver um problema para o meu filho”, dirá ela, que na sequência fará plantão na frente do prévio de Vitória por horas querendo se encontrar com a advogada.

“Sai da minha frente, eu preciso falar com ela”, berrará ela, que será barrada por um segurança do local. “Cadê o seu documento de identidade?”, exigirá ele. “Identidade? Eu não estou com documento. Mas isso não importa! Ela me deve muitos favores”, disparará Kátia, que não será levada a sério.

“A dona Vitória Amorim te deve favores? Tá bom. Chega para lá, por favor, senhora, vamos liberando a porta”, pedirá o funcionário. . “Está duvidando? Chama ela aí para você ver! Fala para ela que a Kátia Brandão está aqui. O maior favor da vida dela quem fez fui eu”, disparará ela, arriscando a liberdade revelando o próprio nome.

“Está bom, agora vamos circulando. Circulando. Olha o carro do doutor querendo entrar! Vamos dando licença aí”, se irritará outro. Kátia se sentirá mal e não insistirá mais, procurando até uma parede para se apoiar diante da recusa de Vitória em recebê-la. Ela voltará para casa e mandará seus capangas procurarem Vitória.

“Não é possível. Procura direito! Não tem nenhum telefone para falar com Vitória Amorim na internet? Ela é uma advogada famosa”, dirá ela, caindo no choro sem conseguir entrar em contato com a profissional. “Ela me deve favores. E eu tenho que fazer alguma coisa pelo meu filho”, dirá a criminosa.