Amor de mãe: camila leva um tiro dentro da escola e fica em estado grave

Compartilhe no WhatsApp

Camila (Jéssica Ellen) enfrentará uma situação de extrema violência em sala de aula em Amor de Mãe

Camila (Jéssica Ellen) enfrentará uma situação de extrema violência em sala de aula em Amor de Mãe

Camila (Jéssica Ellen) enfrentará uma situação de extrema violência em Amor de Mãe. A personagem estará dentro da escola, numa região perigosa, quando levará um tiro. Ela será levada para o hospital com estado de saúde grave, mas sobreviverá. Lurdes (Regina Casé) vai querer que a filha se afaste da escola, mas Camila vai manter seu emprego.

A professora de História já passou por outras situações de violência na escola, em que teve que se esconder de um tiroteio e foi agredida por um aluno, por exemplo. Mas essa será a mais terrível de todas.

Camila será atingida por uma bala perdida durante uma aula e cairá. Para sorte dela, Lurdes e Danilo (Chay Suede) estarão na escola nesse momento e a levarão para um hospital, onde a professora terá de passar por uma cirurgia.

Apesar de a situação ser delicada, Camila sobreviverá. Nesse ponto da trama, Lurdes estará trabalhando para Álvaro (Irandhir Santos) e Verena (Maria), e contará o que aconteceu aos patrões.

“Eu não vou poder dormir aqui hoje de novo, tenho que ficar com a Camila”, avisará. “Claro que você tem que ficar com a sua filha! Coitada! Uma professora, trabalhando, tomar um tiro assim”, se indignará Verena.

“Nem me fala! Eu vi a hora que a bala pegou e minha filha despencou da janela. E ela é tinhosa, disse que vai continuar dando aula lá”, comentará a mãe. Álvaro avisará que Camila precisa entender que a área onde fica a escola dela é de risco.

“E jovem entende nada? Jovem é idealista, Seu Álvaro. Quem entende as coisas sou eu que tenho 58 anos nas costas!”, reclamará Lurdes. Mesmo assim, dias depois Camila voltará a dar aulas no local.

“Antes de mais nada eu quero dizer que estou muito feliz de estar de volta! Cair só é problema pra quem não sabe se levantar, né não? Vamos à chamada”, falará aos alunos.